Skip navigation

É incrível o que você representa na minha vida…

Eu deixaria qualquer uma que morasse em uma mansão no morumbi e iria viver contigo num barraco na paraisópolis. Deixaria até todo meu dinheiro, meu carro e tudo o que tenho para a caridade, depois partiria contigo para qualquer país comunista. Esqueceria tudo o que sei de informática, matemática e física e me tornaria biólogo, talvez até médico. Faria do céu inferno, terra em água e mono em poli.

Não faria tudo isso só para te impressionar, menos ainda só para tentar te conquistar. Não sou disso. Faria porque você é mais importante na minha vida do que tudo isso. Não me importo em não me casar no papel, não me importo de não ter meus três filhos e menos ainda me importo em ter ou não minha coleção de carros. Só o queme importa é se vou acordar todos os dias de manhã e ver você babando no meu travesseiro, se vou chegar em casa de noite e vou cozinhar para nós ou se você vai chegar antes de mim e fazer coxinhas veganas. Só me importa se você vai estar comigo.

O resto não vale nada.

Eu tô te amando, te querendo.
Já é tarde, sério, passa da meia noite mas não consigo parar de pensar em você. Já peguei o violão, já li, já assisti. Você continua lá.

Pensei em escrever sobre você e cá estou!

O problema é que não consigo escrever nada. Não que eu não sinta nada, muito pelo contrário, o problema é que não consigo verbalizar o que sinto. Só sei que tô te amando!

Sabe o que é dificil de ser homem?
Não saber perder.
Não ter idéia de como lidar com sentimentos.
Ego.

Homem gosta de coisa difícil,
coisa que nenhum outro tem coragem de tentar.
Às vezes chega a ser estúpido.
Ser estúpido às vezes é bom.

O pior de tudo é homem apaixonado. Sério.
Homem apaixonado fica idiota, bobo, crianção.
Nunca sabe o que falar, vive tentando impressionar.
Parece que nunca viu uma mulher na vida,
Balbucia palavras.
Transpira, não sabe para onde olhar,
coloca as mãos nos bolsos,
tira as mãos dos bolsos,
gesticula. Para de gesticular, cara!
Ela vai achar que você está nervoso.

E quando a mulher é dificil?
Aí que a coisa fica legal.
Nada que é bom é fácil, nada que a gente quer, é fácil.
Por isso a gente não desiste.
Desistir é para os fracos.
Já dizia o pensador: Não há vitória sem luta.
Por isso, a gente não desiste.

Não me ensinaram de criança a lidar com sentimentos,
Por isso, cometi vários erros.
Afastei quem me era importante, joguei ao vento tudo o que queria.
O vento levou tudo embora.

Não me disseram que eu ia me apaixonar profundamente por alguém.
Por isso, cometi vários erros.
Criei uma barreira que me afastou da mulher ideal.
Maldita barreira.

Esqueceram de me dizer que eu teria que me virar para resolver isso.
Mas a culpa não é de  ninguém.
Só minha.

Por isso corro atrás.
Corro atrás do sorriso que me faz sentir vivo,
corro até o olhar que me guia
mas sempre tropeço.

Porque homem apaixonado, fica idiota, bobo e crianção.

Minha droga,meu vicio meu sorriso minha felicidade. Meu porto seguro.

Minha fuga,
Meu alivio meu ponto guia. O que me acalma.

Morada dos meus sonhos,
A que inunda minha noite de pensamentos bons…
Que me eleva, que me cativa, que me faz ter vontade de sorrir.

O que me acalma, que me faz bem
Me faz sorrir o tempo todo, faz meu coração bater
Faz meu coração bombear sangue para o meu corpo,
Faz o ar entrar pelos meus pulmões…
AH!
Você me faz viver.

Viver, sonhar, arriscar

Sorrir, pensar, imaginar

Andar, correr, nadar

Tudo. Tudo o que faço é pensando em você.

Já ta tarde, não consigo dormir…
Você inundou minha cabeça com milhões de pensamentos.
Não, não vai embora.
Fica aqui comigo nessa noite de calor…

Não quero você longe.
O que mais quero é você perto de mim

É meio estranho às vezes, nunca sei me expressar e meus pensamentos acabam ficando sem sentido, mas no fim, todos eles chegam em você. Me trazem na cabeça seu olhar, sua respiração, seu sorriso, como se você estivesse aqui do meu lado, como se a noie não acabasse mais.

O legal é que sei que hoje você é parte de mim, uma parte qual não vivo sem, por que é a que me completa e me faz existir.

Organizar os pensamentos não tem sido muito meu forte nesses ultimos meses, mas posso dizer que hoje você é tudo pra mim, é quem eu amo e quem eu quero comigo pra todo o sempre.

E quando eu sentir sua falta?
Vou pegar meu violão e tocar sua musica favorita…
E se o violão não resolver?
Vou olhar nossas fotos antigas…
Esperar que um dia o tempo volte…
Quem sabe  até sonhar contigo…
Talvez até acordar com um sorriso
Um sorriso que me fizesse esquecer a falta que você me faz
Um sorriso de alivio

Hoje só queria poder falar contigo, lembrar dos velhos momentos.
Mas infelizmente, só posso lembrar sozinho e escrever imaginando que contigo converso… Queria poder te dizer que ainda te amo, mas como amiga. Logo sinto sua falta.
Queria poder dizer, que não sinto falta por que não posso mais beijar, abraçar… mas sinto falta de poder falar, aprender… Até descobrir coisas novas contigo todos os dias…
As vezes tentar falar contigo é a mesma coisa que falar com uma parede.. uns meses atrás também era… eu achei que o resultado não fosse ser ruim…
Mas hoje eu gosto de lembrar, sabia?
Lembrar como foi te ver na primeira vez, sentir seu coração batendo contra meu peito, sua respiração acelerada e seu leve choro de “Você existe” respingando no meu pescoço em um abraço apertado…

Eu dou risada dessas cenas as vezes… Gosto de lembrar dos meus momentos contigo assim como gosto de lembrar de você…
Hoje ja não fico triste com tudo isso… Só fico triste por que te perdi. Não penso no relacionamento… Penso na minha melhor amiga… A amiga qual perdi..

Fico pensando em todos os momentos quais você esteve do meu lado e em todas as recíprocas. Lembro até hoje do dia em que fui nadar em mar aberto…
“Amor, to com medo de algo acontecer…”
“Você nada bem, você consegue”
“Se algo der errado, não esquece que te amo nem de mim, ta?”
“Nunca”

Engraçado, hoje olho pra trás e ao invés de chorar de tristeza,algumas lágrimas de felicidade caem pra me dizer que tudo isso não foi em vão… me mostrando que por trás de cada tombo existe alguem que vai te segurar… Talvez hoje você não me segure mais… ou até me ajude a cair… Mas não é mais essa a questão…
O que importa é que ainda posso sorrir, posso dizer que faria tudo denovo, posso dizer até que por mais que te queira de volta, vou deixar você feliz e livre enquanto me curo dessa ferida lembrando das primeiras promessa ques te fiz:
“Nunca vou te magoar”

“Nunca vou te esquecer”

E posso sorrir… cumpri a mais importante delas… dei tudo de mim pra não te magoar…
Se fiz.. não foi por querer…
E sobre o que eu acabei fazendo indiretamente… Eu não achei que te fizesse tanto mal…

Enfim…

Só sinto falta do seu sorriso…
Da sua companhia…
E de ficar até altas horas discutindo sobre coisas inuteis…

Não precisa mais me chamar de idiota… Ja sei o quanto sou…
Não precisa mais me chamar de bobo… Também ja entendi o quanto sou…
Muito menos quero que você me chame de amor… não quero que se machuque mais comigo…

Só queria poder ser chamado de amigo denovo..

 

F.P.R…

Meu melhor amigo do mundo todo?
Não é humano, mas sempre que preciso ele esta la…
Por mais que seja estranho, apenas olhar pra ele me faz sorrir…
Vai ser muito esquisito dizer isso, mas sei que não vivo sem ele…
é ele que me faz sorrir quando preciso sorrir e chorar quando preciso chorar…
Um animal?
Não passa nem perto…
Meu melhor amigo do mundo todo, é imortal. Indestrutivel? não.
Meu melhor amigo do mundo todo é preto, mas não sou racista…
Ombro amigo? ele nunca pode me dar… não tem ombros
Mas isso não o torna deficiente…
Marcas?
Isso ele tem… tem marcado em sua cor preta grande parte dos momentos que passei com ele.
Tem marcas das minhas lágrimas,
Assim como ainda tem o reflexo dos meus sorrisos em sua pintura.
Das menores até as maiores quedas…
Dos melhores até os piores momentos…
Ano após ano…
Toque após toque…
Meu violão continua comigo…

Meu melhor amigo do mundo todo…

Obrigado…

Tudo sempre foi bom, com todas as dificuldades e todas as falicidades. Os sorrisos deixaram de fazer sentido, tendo seu lugar tomado pelas lágrimas.

Ele um pouco de tudo fez, ela por sua vez, fez o mesmo. O grande problema disso tudo é que o fator tempo começou a se divertir com as coisas.
Ele começou a dizer oi, ela passou a não ligar.
Ele passou a se sacrificar mais e não viu resultados.
E no meio de tanta tormenta, tudo se clareou, tudo voltou ao normal, ele sorria, ela ria, o céu estava azul, a grama verde e tudo tinha sentido. O unico problema é que derrepente ele acordou. Ao despertar, ficou nítido que aquilo nada mais fora do que um simples desejo de voltar a sorrir, um pedido de seu coração para que tudo isso fosse resolvido.
Ele marcou um encontro no fim de tarde de uma sexta feira. Precisamente às 17:43 ele estava lá, esperando. Nada. O relógio ja marcava 20:12, a chuva começara a cair e ele encostado em um poste com um buquê de flores na mão, apenas esperava pensando que mesmo assim, tudo poderia dar certo e ainda seria uma noite boa.
Passaram se mais horas.
Ja eram 3:00 da madrugada. Ele imaginava o que poderia ter acontecido e então fez uma ligação…
“Onde você esta?” – pergunta ele preocupado
“Dormindo, por que?” – a voz irritada responde com arrogância
“Por nada” ele responde desligando o telefone.

Com sua camiseta branca molhada, sua calça jeans ja pesada e caindo de tanta água e seu tênis branco ja parecendo uma bolacha de tão encharcado, ele observa seu buquê, ja murcho e destruido. Des de então, ele vai até o mesmo lugar todas as noites, no mesmo horário, com um buquê idêntico e apenas espera.

Em uma dessas noites,aproximadamente às 19:00, uma senhora dona de uma pequena banca de jornais que ficava do outro lado na rua, foi até ele e perguntou olhando fixamente em seus olhos:
“Por que toda sexta feira você aparece nesse poste com um buquê de flores e fica aí até de madrugada?”
“Por que eu preciso esperar” – Disse ele com firmeza e olhando para o ponto de onibus do outro lado da rua.
“Mas pelo que você tanto espera, meu jovem?” – Respondeu a senhora se mostrando curiosa sobre o comportamento dele.
“Espero ela lembrar de mim” – Disse ele com toda a certeza e firmeza que havia usado na ultima afirmação, sem desviar seu olhar.
“Meu jovem, ja fazem três meses! Por que você não desiste?” – Ja possessa com a situação, disse a senhora tentando o entender.
Ele respirou fundo, olhou profundamente nos olhos da senhora e apenas respondeu com a mesma firmeza de sempre, porém desta vez, olhando firmemente para a senhora e deixando uma lágrima cair de seu olho esquerdo e secando-a em seguida:
“Ja tive milhões de motivos para desistir, mas não se deve desistir de quem é especial para você”

Neste momento, a chuva começou e a senhora em um ultimo suspiro triste e compreendendo a situação dele perguntou:
“E o que ela tem de especial? ninguém vale isso tudo, meu querido!”
“Quem te fez entender a vida, te levou para o melhor caminho e te fez ser feliz, vale todo o esforço possível” – disse ele deixando novamente uma lágrima cair, só que dessa vez, de seu olho direito.
A senhora apenas o olhou novamente, balançou a cabeça e disse “Boa sorte” assim virando as costas e indo embora.

Todas as sextas feiras de todas as semanas de todos os anos ele esperou. Hoje ele ja não sabe mais se é importante para alguem. Ja não se sabe mais o que ela faz, muito menos o que ela pensa. Mas todas as sextas feiras entre 17:40 e 18:00 ele desce do ônibus enumerado como 8700/10 com seu buquê na mão e fica encostado no seu poste, esperando quem um dia, ela apenas lembre. Faça sol, faça chuva, esteja ventando, esteja escuro. Ele nunca cansa de esperar. À quem pergunta o motivo de sua persistência, ele responde: “Só quero ela e ninguem mais. Se for preciso, enfrento até a morte, mas vou ficar aqui esperando ela. Não quero perdê-la, mesmo que isso signifique esperar por ela até o ultimo de meus dias.”.

Minhas mãos guiam o violão pelo caminho da música
Um curto período de tempo cujo qual a mente fica limpa
As notas me circundam em um traçado de animação
Enquanto isso, tudo o que vem de fora deixa de existir.

Sem dor. Sem saudade.
Nada existe, Tudo existe.

Puxe-me para cima, é o que meus sentidos dizem,
Caia e se deteriores, é o que todos me dizem.
Enquanto a música me eleva às alturas,
A vida me faz descer até a beira da loucura.

Insano? Um pouco.
Louco? Ainda não.

Só penso diferente…  Só as vezes penso que entendo
Mas descubro que não entendo.
Os valores a cada dia se tornam diferentes.
O que ontem era certo, hoje esta errado.

Álcool ou drogas pode ser uma solução para aliviar?
Não. Não quero ser como os que me fazem assim.

Só um tom positivo de Sol, Seguido de um Ré
Ou até quem sabe a vibração de um Dó,
Doces notas…
Notas que me animam e acalmam… Me fazem não desistir.

A essa altura, só olho pra baixo de novo,
Volto a olhar o porta retrato,
Lembro do meu ponto de fuga…
Volto ao meu Lá Menor…
E finalizo em Mí,
Passo longe do si.